Muito além do carga!


Variar os exercícios é sempre uma boa opção de novos estímulo para a mesma musculatura.
Para melhores resultados muitas vezes nos preocupamos única e exclusivamente com cargas, mas existem alguns fatores que devem ser levados em consideração para maiores e melhores resultados:
1- Nível do aluno e consciência corporal durante a execução dos exercícios
2- Métodos de treino: biset, triset, piramidal são alguns exemplos.
3- Número de exercícios por grupamento muscular
4- Quantidade de treino na semana
Neste vídeo:
Tríceps Coice no cabo
Execução extensão e flexão dos cotovelos
Músculos envolvidos: Tríceps braquial e Ancôneo

FIX IT!

Você pratica musculação mas muitas vezes não vê resultados?
Você pode estar cometendo alguns erros que podem prejudicar seus ganhos:
1-Não realizar movimentos com completa amplitude
É muito importante realizar movimentos com a amplitude total , assim conseguimos usar toda a nossa força na fase concêntrica ( onde fazemos a força ) e fase excêntrica do movimento .
2- Negligenciar algum grupo muscular
Frequentemente não gostamos de treinar esse ou aquele músculo, mas estéticamente quando
pensamos em simetria corporal, devemos pensar em melhorar nossos pontos fracos e isso inclui treinar todos os grupos musculares.
3-Treinar leve demais
Muitas vezes não utilizamos a carga ideal e nosso treino fica com baixa intensidade sendo assim menos eficaz, nosso corpo sofre adaptações e por isso é necessário mudarmos os estímulos com frequencia para que possamos ver resultados.
4- Treinar pesado demais
Quando colocamos mais carga do que aguentamos, não realizamos o movimento com total amplitude, sobrecarregamos as articulações e nossa coluna.
5-Não comer demais
Como já mencionei em posts anteriores nosso corpo precisa de carboidratos, proteínas e boas gorduras , por tanto ficar sem comer ou comer pouco impede o cresvimento muscular necessário.
Sempre faça refeições antes do treino!

Exercícios Físicos e Gravidez

Motivada por uma querida aluna que está grávida decidi fazer este post para falar sobre atividades físicas e gravidez
Se sua gravidez  for completamente saudável e se seu médico liberar a prática de atividades físicas não há porque não praticá-las.
Algumas observações devem ser feitas:
Gestantes que já praticavam atividades físicas anteriormente podem e devem continuar praticando, porém com menor intensidade.
Algumas considerações para que você possa começar a praticar atividades físicas:
-Gestantes devem realizar exercícios de resistência de forma controlada e lenta.
-Durante a prática de atividades físicas deve se controlar os batimentos cardíacos da gestante a frequencia deve ser mantida no máximo a 140 bpms
– Deve se controlar a pressão da gestante
– Deve se trabalhar exercícios posturais afim de evitar dores nas costas principalmente lombares.
-Evitar exercícios com alto impacto
Vou tentar fazer uma sequência de posts sobre exercícios para gravidez!
Postem suas dúvidas!
bjos

Sua lombar está fortalecida?

Sua lombar está fortalecida?
O que mais me preocupa hoje nas academias é a execução incorreta dos exercícios,
Muitas das pessoas além de não executar corretamente ainda utilizam uma carga inadequada, podendo prejudicar ainda mais a sobrecarga imposta na coluna durante alguns exercícios.
Durante minha pós graduação tive como tema do meu TCC as lombalgias.
Esse cenário todo aumenta a incidência de lombalgias, os padrões de sobrecarga que lesam os tecidos biológicos consistem em uma ou algumas repetições de grande carga ou numerosas repetições de carga pequena. Hall Susan
Ou seja se você tiver dor na lombar não vai poder fazer um agachamento de maior amplitude por exemplo um estudo trazido pelo professor Dr Julio Cerca Serrão mostra que :
Agachamento parcial ( antes do 90 ° ) menor ativação dos glúteos
Agachamento paralelo( em 90° ) maior ativação dos glúteos
Agachamento total ( passa de 90° ) duas vezes maior a ativação dos glúteos
Dentre esses exercícios também podemos citar afundo, avanço e muitos dos exercícios de costas também
Esse é só um exemplo de exercício que você não poderá executar corretamente se sua lombar não estiver devidamente fortalecida.
Então uma sugestão inclua hiperextensão lombar no seu treino de costas sem carga inicialmente, vá inserindo carga a medida que vai evoluindo nos treinos, se não tiver esse aparelho procure alguém para orientá-lo, pois é possível realizarmos vários tipos de adaptação para este exercício.
Bjos bons treinos.